(16) 3826-3000
(16) 9.9995-9011
Home / Brasil / Presídios de SP vão produzir mais de 50 mil máscaras por dia para prevenção ao coronavírus
Os trabalhadores produzem máscaras faciais à medida que a demanda por sua produção aumenta rapidamente e se esforça para atender aos pedidos, nas instalações de um fabricante turco em Istambul, Turquia, em 30 de janeiro de 2020.
Os trabalhadores produzem máscaras faciais à medida que a demanda por sua produção aumenta rapidamente e se esforça para atender aos pedidos, nas instalações de um fabricante turco em Istambul, Turquia, em 30 de janeiro de 2020.

Presídios de SP vão produzir mais de 50 mil máscaras por dia para prevenção ao coronavírus

 

 

Doria anunciou ampliação da capacidade de confecção dos equipamentos de proteção

 

O Governador João Doria anunciou, nesta quinta-feira (2), a ampliação da capacidade de confecção de máscaras de proteção contra o coronavírus nas unidades prisionais de São Paulo. A meta é chegar a uma produção diária superior a 50 mil máscaras, que serão utilizadas por servidores que atuam no combate à pandemia nas áreas da Saúde e Segurança, além de funcionários da Secretaria de Administração Penitenciária.

 

“São Paulo foi o primeiro Estado do país a definir, no seu sistema prisional, a confecção de máscaras. Um dos maiores problemas, não só do Brasil como de outras nações do mundo, é a obtenção de EPIs (Equipamentos de Proteção Individual). Então, acelerar essa produção é uma medida necessária”, disse Doria.

 

A confecção das máscaras de proteção descartáveis, para uso em procedimentos não-cirúrgicos, já está em andamento nas três unidades prisionais de Tremembé. A partir dessa sexta-feira (3), a produção será iniciada também em presídios das cidades de Araraquara, Itaí, Tupi Paulista e Andradina.

Esta notícia foi lida 51 vezes!

Autor redacao

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*


Popups Powered By : XYZScripts.com