(16) 3826-3000
(16) 9.9995-9011
Home / Brasil / Voluntários relatam náusea e alergia após contato com óleo; ministro da Saúde diz que não há alerta
Petroleo5

Voluntários relatam náusea e alergia após contato com óleo; ministro da Saúde diz que não há alerta

Tontura, náuseas, dor de cabeça e reações alérgicas estão entre os sintomas relatados por parte dos voluntários de mutirões para remover óleo de praias pernambucanas. A situação é apontada até por quem usou máscaras, galochas e luvas. E, apesar da recomendação das autoridades de usar equipamento de proteção, é comum ver muitos com os corpos expostos. Unidades médicas já têm criado postos de atendimento nas praias e orientado os profissionais de saúde sobre como lidar com esses casos.

“Estava puxando o óleo para a areia e me senti mal. Quando puxei, o cheiro estava atípico, como de óleo muito concentrado”, conta a dona de casa Marília Clementino, de 31 anos. A moradora de Jaboatão dos Guararapes viajou cerca de uma hora ontem até Paulista (PE), para ajudar na limpeza da Praia do Janga. No grupo, duas pessoas se sentiram mal no mesmo dia. Marília relata tontura e dor de cabeça, e atribui a reação ao uso inadequado da máscara.

Conforme a Secretaria Estadual de Saúde, são investigados 19 casos de intoxicação com suspeita de relação com o óleo. Ainda segundo a pasta, houve casos relacionados ao contato com o poluente e também por causa do uso indevido de solventes para retirar o óleo.

 
 
 

Esta notícia foi lida 60 vezes!

Autor redacao

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*