(16) 3826-3000
(16) 9.9995-9011
Home / Ciência e Tecnologia / Pessoas entre 20 e 49 anos são as mais infectadas pela Covid-19 no Brasil, revelam pesquisadores
Usp5

Pessoas entre 20 e 49 anos são as mais infectadas pela Covid-19 no Brasil, revelam pesquisadores

Pessoas entre 20 e 49 anos são as mais infectadas pela Covid-19 no Brasil, de acordo com uma pesquisa coordenada por pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP) em Ribeirão Preto (SP) em parceria com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

A pneumologista e pesquisadora Margareth Dalcolmo, que conduziu o estudo, diz que uma das razões para os mais jovens serem os mais afetados pela doença no Brasil está na distribuição etária do país, que é diferente dos países europeus que chegaram a ser o epicentro da doença.

“A concentração de pessoas entre 20 e 50 anos [no Brasil] é muito maior do que nos países europeus que foram duramente atingidos. Em segundo lugar, essa faixa da nossa população não está obedecendo as recomendações da única arma que temos para prevenir a doença, que é o isolamento social”, diz.

Mortalidade

O estudo revela ainda que 8,21% dos mortos por coronavírus no Brasil têm entre 40 e 49 anos, diferente do que ocorreu em países europeus. Na Espanha, por exemplo, o índice de mortalidade de pacientes desta faixa etária era de 1,1% no início de abril, quando a doença atingiu o pico no país. Na Itália, o índice era menor ainda, de 0,9%.

Os dados preocupam o professor Domingos Alves, que conduziu a pesquisa ao lado da pneumologista Margareth Dalcolmo. O especialista faz um alerta para os mais jovens, que ele considera ser os principais transmissores da doença no país.

“Pessoas mais jovens são a chama desse fogo que está se espalhando no Brasil. Essas pessoas, que são assintomáticas ou sintomáticas leves, [podem] infectar outras pessoas, inclusive as mais velhas, e serem responsáveis pela internação e pelo óbito dessas pessoas, porque elas estão transmitindo”, afirma.

Pesquisador da USP de Ribeirão Preto faz alerta para risco de infecção da Covid-19 entre jovens — Foto: EPTV/Reprodução Pesquisador da USP de Ribeirão Preto faz alerta para risco de infecção da Covid-19 entre jovens — Foto: EPTV/Reprodução

Pesquisador da USP de Ribeirão Preto faz alerta para risco de infecção da Covid-19 entre jovens — Foto: EPTV/Reprodução

Ainda segundo o professor, as estatísticas mostram crianças de zero a nove anos com a doença, o que aponta que, neste momento, o distanciamento é essencial para evitar o contágio.

“Essas pessoas, por exemplo, se for liberada a volta às aulas, essas crianças vão ser o caminho para infectar pessoas mais velhas, que podem ser mais sensíveis ao vírus e sofrer internação ou eventualmente, no caso mais grave, vir a óbito”, diz.

 

Seja o primeiro a comentar

Esta notícia foi lida 91 vezes!

Autor redacao

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*


Popups Powered By : XYZScripts.com