(16) 3826-3000
(16) 9.9995-9011
Home / Economia / Crise leva 13 hotéis a fechar as portas no Rio
Rio2

Crise leva 13 hotéis a fechar as portas no Rio

A expansão do número de hotéis no Rio era para ser um legado olímpico, mas transformou-se num pesadelo para as grandes redes que apostaram na cidade. Passada a euforia dos Jogos, o setor hoje tem mais quartos do que turistas interessados em ocupá-los. O resultado do desequilíbrio na equação é uma crise sem precedentes, que já levou ao fechamento, desde o final de 2016, de 13 hotéis. Outros três empreendimentos também cerraram as portas, alegando reformas. Juntos, os 16 hotéis que deixaram de funcionar nos últimos dois anos tinham 2.828 quartos, segundo dados da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH-RJ).

LEIA MAIS: Crise econômica e violência fazem a Lapa perder bares e frequentadores

Casarões do tráfico, um reflexo do abandono no Centro do Rio

Desordem urbana assusta turistas em cartões-postais do Rio

A queda na atividade turística do Rio vem ocorrendo no mesmo ritmo frenético da expansão que o setor experimentou no período pré-olímpico. Impulsionados pela esperança de que o Rio seria a “capital da vez”, e também por uma linha de crédito especial do BNDES, os empresários hoteleiros ergueram milhares de quartos. Em 2016, os turistas tinham à disposição 58.983 leitos, um aumento de 64,3% em relação aos 35.899 existentes em 2012, segundo dados do Cadastur, do Ministério do Turismo. O reflexo disso, porém, é a alta no desemprego

Esta notícia foi lida 120 vezes!

Autor redacao

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*