(16) 3826-3000
(16) 9.9995-9011
Home / Economia / Ford vai pagar até R$ 93 mil extras para trabalhador que deixar a fábrica da Bahia
FabricaFord

Ford vai pagar até R$ 93 mil extras para trabalhador que deixar a fábrica da Bahia

Cleide Silva, O Estado de S.Paulo

A Ford fechou acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari (BA) de um Programa de Demissão Voluntária que começa na quinta-feira, 1º, e vai pagar R$ 93 mil extras para trabalhadores com 17 a 20 anos de contrato que aderirem ao PDV. Para quem tem entre 6 e 18 anos de casa será pago R$ 80 mil e, para os que entraram no grupo nos últimos cinco anos serão pagos R$ 40 mil, além dos direitos trabalhistas, segundo o presidente da entidade, Júlio Bonfim.

A empresa também decidiu prorrogar até o fim de dezembro a suspensão de contratos de trabalho (lay-off) de cerca de 1,45 mil trabalhadores da montadora e de fornecedores que operam dentro do complexo na Bahia. Eles estão afastados desde março e, segundo Bonfim, se houver necessidade o prazo poderá ser estendido mais uma vez até maio.

Na fábrica de motores em Taubaté (SP) também foi aprovado acordo para abertura de um PDV com objetivo de cortar 277 vagas excedentes, segundo o sindicato local. A unidade tem 920 funcionários. O pessoal da área de produção que aderir ao plano vai receber 0,75 do salário por ano trabalhado, um carro no valor de R$ 47.490 e R$ 9 mil de plano médico. Para mensalistas, a oferta é um pouco inferior.

Em nota, a direção da Ford informou que o objetivo é das medidas é “ajustar os níveis de produção à significativa desaceleração do mercado gerada pela pandemia”. No caso da Bahia, o PDV é voltado a empregados da área de produção e as inscrições estarão abertas a partir da próxima quinta-feira.

Segundo Bomfim, a Ford iniciou o ano com previsão de produzir 215 mil unidades do SUV EcoSport e do compacto Ka, mas, agora, a projeção é de 136 mil unidades “ou menos”.  A Ford tem 6,5 mil funcionários diretos da fábrica e outros 3,5 mil trabalham no parque de fornecedores dentro do complexo.

 

Esta notícia foi lida 202 vezes!

Autor redacao

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*


Popups Powered By : XYZScripts.com