(16) 3826-3000
(16) 9.9995-9011
Home / Esportes / De volta ao Brasil, Thiago Paulino cita frase de Mandela em recepção: “Eu nunca perco. Eu ganho ou aprendo”
Thiago9

De volta ao Brasil, Thiago Paulino cita frase de Mandela em recepção: “Eu nunca perco. Eu ganho ou aprendo”

Por João Fagiolo — Orlândia, SP


Thiago Paulino é recepcionado por fãs em Orlândia — Foto: Carlos Silva

Thiago Paulino é recepcionado por fãs em Orlândia — Foto: Carlos Silva

“Eu nunca perco. Eu ganho ou aprendo”. Com uma frase de Nelson Mandela, líder histórico da África do Sul, o atleta Thiago Paulino foi reverenciado pela população de Orlândia (SP). A cidade paulista de pouco mais de 40 mil habitantes, onde o atleta nasceu, o abraçou em sua chegada no fim da tarde desta terça-feira.

A frase de Mandela foi dita por Paulino – e também está tatuada em seu braço – ao responder o carinho e solidariedade recebido dos fãs. O atleta disputou os Jogos Paralímpicos de Tóquio e se viu envolvido em uma polêmica ao ter sua medalha de ouro retirada após decisão de um júri. Com isso, ele ficou com o bronze no arremesso de peso F57.

– Tentar usar isso como combustível para voltar cada vez melhor, claro que é um baque, foi um golpe muito duro, como já falei, mas carrego uma frase tatuada no meu braço, que é “eu nunca perco, eu ganho ou aprendo”, que é do Nelson Mandela – comentou o atleta paralímpico brasileiro.

Fãs repetem gesto de Thiago Paulino no pódio, em protesto à perda da medalha de ouro — Foto: Carlos Silva

Fãs repetem gesto de Thiago Paulino no pódio, em protesto à perda da medalha de ouro — Foto: Carlos Silva

Thiago Paulino desfilou em trio elétrico pelas principais ruas da cidade. Ele foi abordado pelos moradores e esteve o tempo todo com máscara devido à pandemia, porém, alguns dos fãs que se aproximaram estavam sem o item de proteção.

Ao término das homenagens, o atleta agradeceu a recepção de Orlândia.

– Coisa linda, o pessoal sempre me abraçando. O mais gratificante é que entenderam que eu dei meu melhor, infelizmente não veio o ouro, mas é esse ouro que vale [o carinho dos fãs], que vou levar no meu coração – comentou Thiago Paulino.

Perda do ouro

O atleta teve seu ouro retirado após uma revisão da organização do evento apontando uma irregularidade eu seus arremessos, incluindo o que lhe deu o primeiro lugar, de 15,10m. Após isso, ele passou para a marca de 14,77, caiu para terceiro e ficou com a medalha de bronze.

Thiago Paulino faz gesto de negativo no pódio dos Jogos Paralímpicos — Foto: Naomi Baker/Getty Images

Thiago Paulino faz gesto de negativo no pódio dos Jogos Paralímpicos — Foto: Naomi Baker/Getty Images

Thiago Paulino revelou que soube da notícia a caminho do pódio, 11 horas depois do término da competição, e sequer teve direito à contestação. Na premiação, o brasileiro fez questão de protestar.

O Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) também protestou contra a decisão da organização dos Jogos, buscou uma revisão da prova, mas o pedido de contestação não foi aceito.

Esta notícia foi lida 76 vezes!

Autor redacao

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*


Popups Powered By : XYZScripts.com