(16) 3826-3000
(16) 9.9995-9011
Home / Internacional / Polícia russa prende 830 em atos contra reforma da aposentadoria
Police officers detain an elderly man during a rally against planned increases to the nationwide pension age in St. Petersburg, Russia September 9, 2018.  REUTERS/Anton Vaganov
Police officers detain an elderly man during a rally against planned increases to the nationwide pension age in St. Petersburg, Russia September 9, 2018. REUTERS/Anton Vaganov

Polícia russa prende 830 em atos contra reforma da aposentadoria

Pelo menos 830 manifestantes foram presos neste domingo (9) na Rússia após milhares de partidários do líder opositor preso Alexei Navalni, convocados por ele, saírem às ruas de 80 cidades para protestar contra a impopular reforma da aposentadoria apoiada pelo presidente Vladimir Putin.

O maior número de prisões ocorreu nas cidades de São Petersburgo e Ekaterina, segundo a organização OVD-Info, que acompanhou as prisões. Em Moscou, ao menos 2 mil pessoas se concentraram no centro da capital. “O poder nos tirou tudo, até a última migalha. Meu pai e minha mãe vão trabalhar durante muito tempo. Essa é a gota d’água”, afirmou a manifestante Tatiana Rechetskaia, de 21 anos.

Há meses, o presidente Putin e outras autoridades enfrentam o descontentamento da população com o projeto que aumenta a idade para a aposentadoria de 55 para 60 anos para mulheres e 65 para homens.

Esta notícia foi lida 58 vezes!

Autor redacao

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*