(16) 3826-3000
(16) 9.9995-9011
Home / Política / Pivô de investigação, médico condenado a mais de 100 anos de prisão pode ser ‘testa de ferro’ de Márcio França, diz Polícia
Marcio2

Pivô de investigação, médico condenado a mais de 100 anos de prisão pode ser ‘testa de ferro’ de Márcio França, diz Polícia

Rayssa Motta, Fausto Macedo, Pepita Ortega e Luiz Vassalo

O médico Cleudson Garcia Montali foi o pivô que arrastou o pré-candidato ao governo de São Paulo, Márcio França (PSB), ao centro das suspeitas de corrupção em contratações firmadas entre organizações sociais e prefeituras paulistas na área da Saúde. O ex-governador de São Paulo nega irregularidades e qualifica a operação que o atingiu nesta quarta-feira, 5, como ‘política’.

Ele é descrito pela Polícia Civil como um ‘homem sem rosto’. A expressão foi cunhada porque, apesar dos indícios de que estruturou um esquema de desvios que teria contaminado diferentes cidades de São Paulo, sua atuação estaria reservada aos bastidores das negociações, não raro com a ajuda de intermediários.

“Gerindo e articulando setores importantíssimos dentro da organização criminosa para coordenar, cooptar e arregimentar essas ações delitivas, figurando no topo da cadeia de comando e liderança da organização criminosa, agindo como “homem de trás” para orquestrar e/ou intermediar esses atos com outras células criminosas”, narram os delegados Luiz Ricardo de Lara Dias Júnior e Francisco Antonio Wenceslau, responsáveis pela investigação, em documento encaminhado à Justiça e obtido pelo Estadão.

A base do suposto esquema, segundo a investigação, seria a mesma de outros arranjos clássicos de corrupção: contratos superfaturados e serviços não prestados. Para isso, diz a Polícia, eram usadas as organizações sociais Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Birigui e Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Pacaembu.

O inquérito diz que Montali agia como ‘testa de ferro’ de Márcio

Esta notícia foi lida 62 vezes!

Autor redacao

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*


Popups Powered By : XYZScripts.com