(16) 3826-3000
(16) 9.9995-9011
Home / Esportes / Jair Cunha Filho, de Orlândia, jogador do Santos é considerado por cronistas do Globo Esporte como a maior esperança no futebol brasileiro

Jair Cunha Filho, de Orlândia, jogador do Santos é considerado por cronistas do Globo Esporte como a maior esperança no futebol brasileiro

 

A equipe do Globo Esporte esteve em Orlândia por dois (2) dias colhendo depoimentos e imagens que farão parte de um especial denominando “Promete”.

São 4 reportagens mostrando as 4 das maiores esperanças dos 4 maiores times paulistas.

A reportagem será mostrada no início de fevereiro no Globo Esporte.

Não se surpreenda, mas este “cara” poderá vir a jogar na Europa. Convites já foram feitos, inclusive pelo Barcelona da Espanha.

Jair Paula da Cunha Filho, de 18 anos, 1,92 m é hoje zagueiro da equipe sub-20 do Santos. Nasceu no dia 7 de março de 2005 e  já soma diversos jogos na equipe que teve Pelé como o maior fenômeno do futebol mundial. Além disso, com 1,92m, também se destaca no jogo aéreo e tem boa velocidade. Sua precisão no passe é de 84%.

Jairzinho, como é conhecido em Orlândia, é filho de Ivana e Jair Paula da Cunha, que trabalha há mais de 30 anos na Morlan.

Jairzinho tem outras duas irmãs, de 25  e 20 anos. O garoto começou a jogar na Morlan e foi aluno do Gol de Placa. Aos 10 anos, por razões de suas habilidades futebolísticas, chamou a atenção e “olheiros” e recebeu a sugestão de Fernando Castro (Bocão) de Orlândia e que já atuava como goleiro  no Santos a preencher ficha para testes na equipe do “Peixe”. Começa aí uma história que poderá se tornar grande e brilhante. Jairzinho fez três testes e aprovado, convidado a ficar na cidade de Santos.

Aos 10 anos muda-se para o litoral e passa a morar com  Vitor e esposa, uma família Paraguaia, cujo filho estava nas mesmas condições de testes de Jairzinho, com quem passa a dividir o aluguel. Depois de 5 meses, muda-se  para morar com “Senhorzinho de Uberaba – Seu Ratinho” – avô que morava com o neto, também aprovado nos testes do Santos.

Depois de um ano e meio, a mãe Ivana, deixa o emprego na Colorado, onde trabalhou durante 13 anos, e passa a morar e cuidar do filho. “Sou grata a Josy Mendonça de quem recebi todo apoio”, comenta ela.

Como está sujeito todo atleta profissional, na noite de quarta-feira, 11 de janeiro, dia  no confronto com o Santo André  pela Copinha, o jogador sofreu uma lesão completa do ligamento cruzado anterior e também lesão no menisco do joelho direito. Jairzinho passou dia 18 de janeiro por cirurgia feita pelo médico Moisés Conhen no Hospital Albert Eisntien e vai ficar  de oito e dez meses afastado dos gramados.

Jairzinho tem a empresa LLA Sport de São Paulo, que cuida de seus interesses empresariais, recebe  bom salário e teve até convites para jogar na Europa, inclusive no Barcelona. Mas como existem cláusulas contratuais, que o impedem de deixar o Santos, vai ficar, por enquanto no Peixe, que  tem 100% dos direitos econômicos do atleta e multa rescisória de 70 milhões de Euros, cerca de R$ 356 milhões.

 

 

Esta notícia foi lida 282 vezes!

Autor redacao

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*


Popups Powered By : XYZScripts.com